Padrasto suspeito de estuprar e ameaçar enteada de 10 anos é preso, em Ponta Grossa

padrasto-suspeito-de-estuprar-e-ameacar-enteada-de-10-anos-e-preso,-em-ponta-grossa
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp


Segundo o Nucria, mãe denunciou companheiro após ver marca roxa no pescoço da filha e descobrir abusos. Suspeito foi preso por estuprar a menor e ameaçá-la para não contar o crime. Segundo a delegada, suspeito abusava sexualmente da criança na ausência da mãe, em Ponta Grossa
Divulgação/PCPR
Uma menina, de 10 anos, foi estuprada e ameaçada para não contar os abusos, em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná. Segundo o Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria), o padrasto da vítima foi preso, na terça-feira (12), como suspeito.
Segundo a delegada do caso, Ana Paula Cunha Carvalho, a criança contou sobre os abusos após a mãe questioná-la sobre a origem de uma marca roxa no pescoço dela.
As investigações começaram no final de dezembro, conforme a delegada, depois da mãe denunciar o companheiro.
De acordo com a polícia, o investigado abusava sexualmente da criança enquanto a mãe estava ausente.
O padastro, de 23 anos, foi preso e será indiciado por estupro de vulnerável e ameaça. Ao ser interrogado, ele negou os fatos, conforme a Polícia Civil.
O suspeito foi encaminhado ao Presídio Hildebrando de Souza, em Ponta Grossa.
VÍDEOS: mais assistidos do g1 PR
Veja mais notícias da região no g1 Norte e Noroeste.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima