Imagens mostram família sendo agredida durante abordagem policial, em Almirante Tamandaré

imagens-mostram-familia-sendo-agredida-durante-abordagem-policial,-em-almirante-tamandare
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp


De acordo com a PM, ‘grupo de pessoas investiu contra a equipe, que precisou utilizar de força controlada e moderada para conter agressões’. Família é agredida durante abordagem policial em Almirante Tamandaré
Imagens de câmeras de monitoramento de um comércio de Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba, registraram pessoas de uma mesma família sendo agredidas por policiais militares durante uma abordagem. Veja imagens acima.
O caso aconteceu no sábado (18), por volta das 21h. A ação toda durou cerca de dez minutos.
De acordo com um dos homens agredidos, que pediu para não ser identificado porque tem medo de represálias, a abordagem começou em frente ao mercado da família.
Segundo ele, as agressões começaram após ele, o pai e o irmão tentarem intervir em uma abordagem policial a um motoboy que, segundo ele, estava sendo feita de forma truculenta.
Família diz que foi alvo de truculência da Polícia Militar
As imagens mostram um dos homens levando socos no estômago e caindo no chão.
Depois, as imagens mostram que os policiais atiram spray de pimenta no rosto de uma das pessoas e, dentro do estabelecimento comercial, o pai deles aparece levando socos no rosto.
Imagem mostra homem levando soco de policial, em Almirante Tamandaré
Reprodução
A PM informou que “precisou utilizar de força controlada e moderada para conter as agressões” após um grupo de pessoas investir contra a equipe policial durante a abordagem ao motociclista.
Duas pessoas foram levadas para a delegacia por desacato e desobediência.
A polícia informou que iria instaurar um inquérito para investigar as circunstâncias da ocorrência e eventuais responsabilidades.
VÍDEOS: Mais assistidos do g1 PR
De acordo com um dos homens agredidos, que pediu para não ser identificado porque tem medo de represálias, em frente ao mercado da família.
Veja mais notícias da região em g1 Paraná

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima