Paraná

Quatro pessoas são indiciadas por falsificação de atestados e receituários médicos, em Londrina

quatro-pessoas-sao-indiciadas-por-falsificacao-de-atestados-e-receituarios-medicos,-em-londrina
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp


Segundo a Polícia Civil, investigados têm 28 e 57 anos, e crimes ocorreram entre 2019 e 2020; parte deles comercializava medicamentos controlados de maneira irregular. Polícia Civil indicia quatro pessoas por falsificar atestado médico
Quatro pessoas foram indiciadas por falsificação de atestados e receituários médicos, em Londrina, no norte do Paraná, segundo a Polícia Civil. O inquérito, concluído na terça-feira (1º), incluiu ainda o crime de associação criminosa.
De acordo com a Polícia Civil, dentre os investigados, três deles têm 28 anos, e um tem 57 anos. Os crimes ocorreram entre 2019 e 2020.
Funcionários de empresa apresentam mais de 20 atestados médicos falsos, em Paranavaí
Durante o inquérito, foi verificado que parte dos investigados comercializava medicamentos controlados de maneira irregular.
Conforme a investigação, a polícia identificou que havia fraude nos espelhos de frequências de médicos, falsificação de atestados e receituários médicos.
Documentos e carimbos eram falsificados, em Londrina
RPC/Reprodução
Investigação
Segundo a polícia, a primeira fase da investigação, realizada em outubro de 2019, foram localizados, na residência de um casal, atestados e receituários falsos, em nome de médicos e dentistas.
Posteriormente, em depoimentos, eles negaram ser proprietários e emissores dos documentos.
Conforme a Polícia Civil, havia a falsificação de papeis, carimbos, além de anotações e assinaturas falsas lançadas nos documentos.
Durante a segunda fase da Operação Espelho, foram cumpridos mandados em Londrina, no Norte do Paraná e em Cuiabá, no Mato Grosso.
Na ocasião, descobriu-se que parte da associação criminosa, além de comercializar os documentos falsos, possuíam envolvimento na venda de medicamentos de maneira irregular.
VÍDEOS: Mais assistidos do g1 PR
Veja mais notícias da região no g1 Norte e Noroeste.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima