Obras de urbanização em Bom Princípio atingem 95%

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

As obras no distrito de Bom Princípio do Oeste estão a todo vapor. Com 95,1% dos trabalhos já executados, a previsão de conclusão dos trabalhos é a segunda quinzena de fevereiro. As intervenções demandaram investimentos de R$ 5,5 milhões, obtidos por meio do Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), da Caixa Econômica Federal e da contribuição de melhorias paga pelos moradores.

Foram realizadas a pavimentação (43.996,87 metros quadrados) e recape asfáltico (12.658,74 metros quadrados), e implantação de galerias pluviais (4.721 metros lineares com 400 e 600 milímetros de diâmetro), guias (11.753,92 metros lineares) e bueiros (152 unidades). “É a maior obra que a Emdur [Empresa de Desenvolvimento Urbano e Rural] vai executar durante esta gestão [21 a 24]”, afirma o diretor superintendente da empresa pública, Ascânio Butzge.

Ainda faltam ser concluídas parte das calçadas e ciclovias, as bocas de lobo, a sinalização viária horizontal, o plantio de grama e a arborização. Outra obra em fase final é o emissário das águas pluviais, ligando as galerias até uma sanga da região, totalizando 1.380 metros. “Esta intervenção não constava no projeto original, mas foi observada sua necessidade durante as obras de urbanização e a administração municipal está custeando a obra com recursos livres”, explica Butzge.

Para o prefeito Beto Lunitti, as obras fazem jus à relevância de Bom Princípio do Oeste para a história do município. “Esta urbanização era esperada pela população e vai valorizar os imóveis, oferecer mais qualidade de vida aos moradores. Quem reside no distrito não sofrerá mais com a poeira ou com barro, o lugar terá uma  nova cara. Esta região, no início do processo de colonização, foi nossa conexão com Cascavel, com hotéis e restaurantes ali instalados. A criação do distrito foi um passo importante e estas melhorias lhe dão o valor que ele merece”, avalia.

Outra melhoria será a iluminação pública, obra contemplada na Parceria Público Privada da Iluminação Pública (PPP da Iluminação). O processo licitatório deve ocorrer ainda este ano e a partir daí os projetos serão executados conforme o cronograma previsto no edital.

Intervenções – Ao todo, 12 ruas serão contempladas com as obras: 25 de Julho, São João, Matelândia, 7 de Setembro, Manuel Ribas, Ipira, Paraná, Conceição, Arapongas, Quatro Pontes, Criciúma e Mara Lúcia. A via principal do distrito, a Avenida 1º de Maio, vai contar com 820 metros quadrados de passeio padrão, 1.434,51 metros quadrados de ciclovia, 714,68 metros quadrados de plantio de grama, sete lixeiras e sete bancos de concreto.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima