Notícias, Outras Notícias, Toledo

Novembro Azul: Parceria entre Secretaria de Saúde e entidades proporciona mais de 100 atendimentos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Aproximadamente 50 motoristas participaram, no sábado (27), de uma ação do Novembro Azul. Promovido pela Secretaria de Saúde de Toledo (SMS), o trabalho aconteceu na sede do Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat), no Jardim Panorama. Os caminhoneiros receberam orientações sobre saúde preventiva e realizaram procedimentos como consultas médicas, testes rápidos de doenças sexualmente transmissíveis (DST’s), aferição de sinais vitais e atendimento com nutricionista.

Ao todo, aconteceram 86 testes rápidos para HIV, sífilis, hepatite B e hepatite C, além de 22 consultas médicas. O trabalho foi efetuado por uma equipe da Unidade Básica de Saúde do Jardim Panorama. Sete profissionais, sendo um médico, um enfermeiro, duas técnicas de enfermagem, um assistente administrativo e dois agentes comunitários de saúde auxiliaram nos atendimentos, além de uma nutricionista da Secretaria de Saúde. “Foi um trabalho para destacar a importância desta categoria e os cuidados para ter uma vida mais saudável”, disse a diretora de Atenção Primária em Saúde, Sirlene Dela Torre.

Os participantes também tiveram uma palestra sobre o câncer de próstata, o segundo mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. A orientação foi realizada pelos acadêmicos de medicina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), campus Toledo.

Parcerias – Além da Secretaria de Saúde e do Sest/Senat, a Brasil Foods S/A (BRF), o Núcleo das Transportadoras de Toledo (NTT) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Carga de Toledo (Sintratol) foram parceiros da iniciativa. “Apesar de já termos mulheres inseridas, o setor de transporte, em especial na sua operacionalidade, é um universo bastante masculino. E o homem culturalmente não é muito cuidadoso com sua saúde e a prevenção”, explica o coordenador do NTT da Associação Comercial e Empresarial de Toledo (ACIT), Celso Rosa Junior.

Junior reforça a relevância de conscientizar este público masculino. “Hoje o transporte, os motoristas sem si, precisam ser conscientizados. É necessário romper esse paradigma de que homem não se cuida, de que não participa de palestras. As doenças estão aí e temos buscado, de forma conjunta com outros parceiros, mudar essa realidade”. A fala foi reforçada pelo gestor operacional do Sest/Senat em Toledo, Euclides Antônio Heiss. “Há uma necessidade cada dia maior. O resultado de um tratamento preventivo é sempre melhor do que o curativo”.

A importância em realizar o trabalho junto aos caminhoneiros é justificada pelo papel desses profissionais para a produção. De acordo com o setor de transporte da BRF, uma das parceiras no evento, os motoristas são peças chave para a manutenção da cadeia, passando pelo transporte de insumos, matéria prima e também dos produtos industrializados para o mercado. São mais de mil profissionais envolvidos apenas na BRF. “Acredito que esta aproximação entre os parceiros desta ação vai trazer bons frutos para o setor e a comunidade”, disse a representante da BRF, Alexandra Araújo.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima