Destaques, Notícias, Toledo

Lei que amplia o programa “Atleta na Universidade” em 2022 é sancionada

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

O prefeito de Toledo, Beto Lunitti, realizou, na manhã desta terça-feira (16), no Auditório Acary de Oliveira, a sanção da Lei “R” 90/2021, que dispõe sobre a ampliação do programa “Atleta na Universidade”. A partir de 2022, o número de beneficiados saltará de 30 para 60 e terão direito ao auxílio mensal de R$ 500,00 (antes eram R$ 400,00) acadêmicos de todas as graduações – e não somente os de Educação Física, que continuarão tendo acesso a 30 bolsas.

Criado pela Lei “R” nº 121/2014, o programa facilita o ingresso e a permanência de dezenas de jovens no ensino superior e, em contrapartida, estes, devidamente selecionados após responderem a edital de chamamento, assumem o compromisso de representar Toledo em competições oficiais e de ministrar cinco horas-aula semanais nas escolinhas mantidas pelo município. Atualmente as bolsas são concedidas a atletas de 11 modalidades esportivas (atletismo, badminton, basquete, futebol, futsal, handebol, judô, kung fu, rúgbi, voleibol e voleibol de praia).

Alguns destes beneficiados compareceram ao ato, que contou ainda com a presença do vice-prefeito Ademar Dorfschmidt, dos vereadores Leoclides Bisognin (presidente da Câmara), Gabriel Baierle, Geraldo Weisheimer, Professor Oséias, Valdir Rossetto, Valdomiro Bozó e Pedro Varela, e de servidores da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel).

A secretária responsável pela pasta, Marli Gonçalves Costa, destaca a importância do Atleta na Universidade para as conquistas recentes do esporte toledano e como ele é visto por outros municípios do Paraná. “É um modelo observado por outras prefeituras, tanto que o prefeito e o secretário de Esportes de Paranaguá conversaram com a gente sobre o programa a fim de implantá-lo lá. Deixamos claro que não se trata simplesmente de dar dinheiro para o atleta representar o município. Exigimos também como contrapartida o serviço nas escolinhas e bom desempenho acadêmico, com notas e frequência dentro do exigido pela instituição em que estão estudando”, observa.

Bisognin e Ademar também falaram sobre os benefícios do programa para o esporte em Toledo. “Atleta se forma é no município e, sempre que houver projetos com este objetivo, pode contar conosco sempre”, salienta o presidente da Câmara. “É uma ação de governo onde todos ganham e espero que o Atleta na Universidade continue transformando vidas e sendo motivo de orgulho para os familiares daqueles que são beneficiados”, comenta.

Entre outros pontos, Beto Lunitti falou sobre como é fundamental Executivo e Legislativo terem uma relação harmônica. “O Atleta na Universidade e outros projetos que implantamos ao longo deste ano são frutos deste bom convívio. É a partir de iniciativas iguais a estas, nascidas dentro do nosso município, que podemos transformar o nosso país. Juntos, podemos construir coisas boas e melhores para todos”, analisa.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima