Mundo

11° dia de Guerra na Ucrânia é marcado por troca de acusações sobre o fracasso no cessar-fogo

11°-dia-de-guerra-na-ucrania-e-marcado-por-troca-de-acusacoes-sobre-o-fracasso-no-cessar-fogo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp


Veja principais acontecimentos deste sábado (5). Posto de controle montado em uma estrada em direção à cidade de Kiev, Ucrânia, no sábado (5)
Emilio Morenatti/AP

Neste domingo (6), a invasão russa à Ucrânia chega ao seu décimo primeiro dia.
No sábado (5), o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, disse que os corredores humanitários para as pessoas saírem de Mariupol e Volnovakha não funcionaram porque os russos não cumpriram os acordos de cessar-fogo.
Em entrevista coletiva, Kuleba também pediu uma nova rodada de sanções contra o governo russo.
A Rússia tinha declarado um “cessar-fogo parcial” de 5 horas, e dito que seu Exército pararia ataques “localizados”. As duas regiões que seriam beneficiadas inicialmente eram Mariupol e Volnovakha, ambas no leste ucraniano.
No entanto, logo em seguida chegou a informação de que a retirada dos habitantes de Mariupol, porto estratégico ucraniano cercado pelas forças russas, foi adiada devido a múltiplas violações russas do cessar-fogo, segundo acusou a prefeitura da cidade no sábado.
Refugiados ucranianos empurram portão na fronteira para entrar na Polônia
Reuters
A retirada de civis, que deveria começar antes do meio-dia (horário local), “foi adiada por razões de segurança” porque as forças russas “continuam bombardeando Mariupol e seus arredores”, afirmou a prefeitura no aplicativo Telegram.
O Ministério da Defesa da Rússia disse que o país abriu, de fato, corredores humanitário, mas que nacionalistas ucranianos teriam impedido a saída de civis.
Já o presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que as sanções ocidentais contra o país são semelhantes a uma declaração de guerra e alertou que qualquer tentativa de impor uma zona de exclusão aérea na Ucrânia equivaleria a entrar no conflito.
Enquanto o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, pediu que os Estados Unidos ampliem as sanções contra a Rússia. Zelensky pediu que o governo dos EUA pare de importar petróleo da Rússia.
Os dois países devem voltar a negociar na segunda-feira (7).
Suspenção das operações do Mastercard e Visa na Rússia
-HN- Cartões de crédito da bandeira VISA
Jason Reed/Reuters
A Visa e Mastercard também informaram no sábado (5) que irão suspender todas as suas operações na Rússia, após os ataques realizados contra a Ucrânia desde o dia 24 de fevereiro.
A Visa informou, através de nota, que cartões desta bandeira no país vão deixar de operar fora da Federação Russa.
A Mastercard, por sua vez, disse que os cartões emitidos por bancos russos não serão mais suportados pela rede. Além disso, qualquer Mastercard emitido fora do país não funcionará em comerciantes ou caixas eletrônicos russos.
1,5 milhão de refugiados
ONU estima que 1,5 milhão de pessoas deixe a Ucrânia até domingo (6)
Também no sábado (5), a ONU disse que o número de refugiados ucranianos pode chegar a 1,5 milhão neste fim de semana.
“Esta é a crise de refugiados que mais cresce na Europa desde o fim da Segunda Guerra Mundial”, disse o alto comissário das Nações Unidas para refugiados, Filippo Grandi, à Reuters em entrevista por telefone.
Blinken e Kuleba
Blinken acena ao embarcar para a Europa na quinta-feira (3)
Reuters
O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, se encontrou com o chanceler ucraniano, Dmytro Kuleba.
Segundo AFP, Blinken e Kuleba se encontraram por 45 minutos, sob forte segurança, em um ponto de fronteira por onde passam milhares de refugiados e discutiram o envio de armas para a Ucrânia e mecanismos para aumentar a pressão sobre Moscou.
“Espero que as pessoas na Ucrânia possam ver isso como uma demonstração clara de que temos amigos que estão ao nosso lado”, declarou Kuleba após seu encontro no posto fronteiriço de Korczowa-Krakovets.
Neste sábado (5), Blinken também conversou com as autoridades polonesas.
Resumo dos últimos acontecimentos:
Forças russas violaram acordo para corredor humanitário, diz Ucrânia
Putin diz que sanções ocidentais são semelhantes a declaração de guerra
Blinken se reúne com chanceler ucraniano e transmite apoio dos EUA
Ucrânia pede aumento de sanções contra a Rússia
VÍDEO: funcionários alertaram russos que ataque a usina nuclear colocaria mundo em risco
Número de refugiados ucranianos pode chegar a 1,5 milhão neste fim de semana, diz ONU
Visa e Mastercard anunciam suspensão de operações na Rússia após ataques contra Ucrânia
Jogador de futsal na Ucrânia viaja 4 dias para fugir da guerra
Zelensky tem conversa com Biden
Embaixada russa faz publicação sobre nazismo e embaixada alemã rebate: ‘Vergonha’

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima