Mundo

Sobe a 16 número de mortos por tempestade Eunice na Europa

sobe-a-16-numero-de-mortos-por-tempestade-eunice-na-europa
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp


No Reino Unido, ao menos 400 mil casas ficaram sem eletricidade, enquanto na Polônica, 1,2 milhão de pessoas esteve na mesma situação. Tempestade causou ventos de quase 200 km/h. Tempestade Eunice causou queda de árvores em Amsterdã, na Holanda
Remko de Waal / ANP / AFP
Ao menos 16 pessoas morreram até este sábado (19) por conta da tempestada Eunice, que atingiu o noroeste da Europa. O fenômeno também causou danos materiais e cortes de energia na região.
Compartilhe essa notícia no WhatsApp
Compartilhe essa notícia no Telegram
A tempestade Eunice provocou quatro mortes na Holanda, outras quatro na Polônia, três na Inglaterra, duas na Alemanha, duas na Bélgica e uma na Irlanda. Muitas das vítimas foram atingidas pela queda de árvores sobre os seus veículos.
Formada na Irlanda, a tempestade atravessou na sexta-feira (18) parte do Reino Unido e depois o norte da França, antes de continuar sua rota para a Dinamarca e a Alemanha, que decretou alerta vermelho para grande parte do norte.
Vídeo acelerado mostra chegada de forte tempestade de neve a distrito de Nova York
Por que os EUA acreditam que a Rússia pode atacar a Ucrânia a qualquer momento
“Existe o risco de rajadas violentas (nível 3 em 4). Rajada máxima: 100-115 km/h”, alertaram os serviços meteorológicos alemães, advertindo para o risco de queda de árvores e destruição de telhados.
“Fiquem longe de edifícios, árvores, andaimes e linhas de alta tensão. Se possível, evitem ficar ao ar livre”, pediram.
Tempestade Eunice: aviões lutam contra fortes ventos para pousos
Centenas de voos, trens e balsas foram cancelados em todo o noroeste da Europa por causa da tempestade Eunice. Ela chegou menos de 48 horas após a tempestade Dudley, que deixou seis mortos na Polônia e na Alemanha.
Na ciade de Haia, na Holanda, dezenas de casas foram evacuadas por medo do desabamento do campanário de uma igreja. A rede ferroviária holandesa foi fechada e as conexões Amsterdã-Bruxelas foram interrompidas
Linhas de Paris e Londres também foram suspensas após os danos sofridos. Pelo menos 400 mil casas ficaram sem eletricidade no Reino Unido. São 1,2 milhão de pessoas na mesma situação na Polônia, segundo as autoridades locais.
Ventos de quase 200 km/h
Na Inglaterra, uma rajada de 196 km/h foi registrada na Ilha de Wight, enquanto outras de mais de 110 km/h foram medidas no interior, inclusive no aeroporto londrino de Heathrow.
O serviço meteorológico britânico emitiu um nível de alerta vermelho – o mais alto – sobre o sul de Gales e o sul da Inglaterra, incluindo Londres. Esta é a primeira vez que a capital britânica atinge este nível de alerta desde a implementação deste sistema em 2011.
No norte da França, trinta pessoas ficaram feridas em acidentes rodoviários ligados aos ventos, quedas ou quedas de materiais. Cerca de 75 mil casas ficaram sem eletricidade e algumas ligações ferroviárias regionais foram interrompidas.
O país registrou ondas superiores a nove metros na Bretanha (oeste), bem como rajadas de vento que atingiram 176 km/h no Cabo Gris-Nez (norte).
Tempestade Eunice derruba guindaste em cima de hospital na Bélgica

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima