Mundo

Noivos se casam debaixo d’água em lago congelante da Rússia; veja VÍDEO

noivos-se-casam-debaixo-d’agua-em-lago-congelante-da-russia;-veja-video
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp


Noiva usou véu, grinalda e até vestido. Casal de mergulhadores enfrentou frio de 4°C para dizer sim. Noivos se casam debaixo d’água em lago congelante da Rússia
Do lado de fora, o termômetro marca – 7°C, mas a água no lago Baikal, norte da Rússia, está um pouco mais quente, em torno dos 4°C.
Uma noiva em um vestido azul sobre uma roupa de mergulho, com véu, mergulha junto ao noivo. Os dois nadam em sincronia, como sereias, antes de ressurgirem lentamente em círculos na água.
Os recém-casados ​​são Natália Tchernikh, de 49 anos, e Dmítri Sokolov, 50, de Irkutsk.
Natália foi a campeã de mergulho da região de Irkutsk em 2019 e da região de Krasnoiarsk em 2020. Já Dmítri, foi medalhista de prata de nado peito em 2019 e especialista em mergulho livre.
Casal enfrenta frio para casamento debaixo d’água na Rússia
Reprodução/Instagram/akvaledy
Ele deixou seu nome cravado no livro dos recordes ao mergulhar a 100 metros de profundidade sob o gelo sem cilindro de oxigênio.
Dmítri e Natália se conheceram em abril de 2018 enquanto participavam de uma atividade de caça subaquática – quando a convidou para tentar o mergulho livre.
“Eu pensei: por que eu iria querer algo assim? Eu tenho 45 anos, meu filho tem sete anos, ele precisa da minha atenção. Por que eu treinaria três vezes por semana, indo de Angarsk a Irkutsk, que fica a 40 km de carro? Dmítri teve que me persuadir várias vezes por telefone antes de eu finalmente decidir fazer o treinamento”, relembra Natália.
Casal celebra matrimônio em lago frio da Rússia
Reprodução/Instagram/akvaledy
Ela acabou concordando, e os dois começaram a namorar depois de algum tempo. Em 2020, Dmítri a pediu em casamento.
“Ele sugeriu que nos encontrássemos para uma caminhada no dique em Angarsk. Tem uma árvore lá que os jovens costumam pendurar cadeados. Dmítri ficou de joelhos sob a árvore e abriu uma caixinha com um anel. Foi uma surpresa total”, lembra Natália.
O casal oficializou a relação em novembro em uma cerimônia tradicional de casamento. Um mês depois, refizeram tudo debaixo d’água, conforme planejado inicialmente.
Casal posa para foto em lago congelado da Rússia
Reprodução/Instagram/akvaledy
Dez mergulhadores livres submergiram nas profundezas do Baikal junto com os recém-casados, rodeando-os em uma dança tradicional russa, chamada khorovod.
De acordo com o plano, o casal esperou pelo comando para mergulhar, antes de realizar círculos no sentido horário, enquanto o restante dos mergulhadores nadava em círculos no sentido anti-horário.
O vestido de casamento de Natália não combinava com a roupa de mergulho grossa de 9 mm, por isso ela recorreu a um vestido soltinho de verão com um véu de noiva.
Antes do mergulho, casal também fez uma cerimônia tradicional
Reprodução/Instagram/akvaledy
“Parece tão ridículo em terra firme, mas muito bonito na água”, disse Natália.
Segundo ela, alguns convidados perderam peças de roupa e ficavam frequentemente sem fôlego durante as longas partes subaquáticas da cerimônia.
Depois que a parte de mergulho foi concluída, alguns membros do grupo nadaram até a Pedra do Xamã, uma área protegida no Baikal. O casal seguiu então para uma sauna antes de se juntar aos convidados para um churrasco e um bolo.
“De um modo geral, tudo se desenrolou de forma bem espontânea. Embora a cerimônia em terra firme tenha sido planejada minuciosamente, a baseada na água pareceu mais um ensaio divertido”, disse a noiva.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima