Destaque, Paraná, Toledo

Volvo vai se instalar no Oeste, fabricante terá unidade no Biopark

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Um acordo de parceria assinado entre o Biopark e Volvo Penta – uma das líderes globais na fabricação de motores e sistemas de propulsão para aplicações marítimas e industriais-, foi assinado durante o 6º Congresso da Caciopar e 7º Fórum do Programa Oeste em Desenvolvimento, realizado na sexta-feira, 29, no Biopark. Com o tema “O território Oeste e as energias limpas”, o encontro reuniu lideranças regionais para apresentação de dados e discussão em torno do assunto por meio de palestras e talk show.

Na oportunidade, o Biopark e a Volvo Penta anunciaram a parceria que contempla o desenvolvimento de projetos na área de biogás para motores da marca. “O Biopark representa um ecossistema de inovação que nos traz velocidade, plataforma de pesquisa e oportunidades de negócio em específico na geração de energia através dos grupos geradores com motores Volvo Penta”, explica Gabriel Barsalini, presidente da Volvo Penta.

Ainda segundo o executivo, a sinergia entre as duas instituições foi importante para início da parceria. “Entendemos que compartilhamos valores comuns, propósito de desenvolvimento de tecnologia, impacto social e legado. Além disso, o objetivo de unir a pesquisa com a fábrica. Por tudo isso vimos uma oportunidade de evolução para o projeto. Hoje é o marco zero, em breve devemos iniciar a operação”, diz.

Para Luiz Donaduzzi, Presidente do Biopark, o anúncio representa um marco importante para o ecossistema. “É uma empresa de grande credibilidade, com produtos de alta qualidade, e isso é o que nós buscamos. Isso nos dá energia também para desenvolver novos projetos que se encaixam com os objetivos do protocolo que assinamos. Um deles é o Biopark Agro – um grande campo de demonstração e experimentação junto com campus universitário para ensino e pesquisa no agronegócio. O outro é um FabLab, que é um laboratório de prototipagem para construção de máquinas, onde teremos empresas trabalhando no desenvolvimento, em testes e melhorias em máquinas”, conta.

O acordo contempla também a cessão de um espaço físico por parte do Biopark para as atividades da Volvo Penta.
“Nosso papel e responsabilidade é dar todo o apoio para que desenvolvam os projetos aqui”, acrescenta Donaduzzi.

Fonte:Assessoria

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima