Destaque, Toledo

Professores de escolas de Toledo concluem formação em robótica educacional

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Com a participação de cerca de 20 professores, foi encerrada nesta sexta-feira (11) a formação em robótica educacional promovida pela Secretaria Municipal da Educação (Smed). Durante toda a semana, os educadores tiveram uma experiência de imersão na qual os ministrantes de cada módulo apresentaram a aplicação das metodologias inovadoras em sala de aula.

Os kits de robótica adquiridos pelo município já estão presentes em 18 escolas municipais que dispõem de espaço apropriado para instalação, bem como no Núcleo de Inovação e Tecnologia Educacionais (Nite) e no Centro Integrado de Políticas Educacionais (Cipe), pontos de uso comum dos estabelecimentos que ainda não contam com este espaço – a meta é que todos tenham essa estrutura até o fim da atual gestão. Durante o treinamento, profissionais altamente qualificados de várias áreas do conhecimento discorreram sobre pensamento computacional, introdução às metodologias ativas, uso da gravadora e cortadora a laser, kits estruturais de montagem, kits de eletrônica e eletricidade,  educação empreendedora e uso da Instaforma (máquina de termoformagem a vácuo).

O prefeito Beto Lunitti fez uma rápida visita à turma que participou da formação em robótica educacional e destacou a importância que este projeto tem em sua gestão. “Temos avançado em muitos pontos no segmento da Educação. Assumimos com a intenção de apresentar um novo conceito, o de promover ‘encantamento’ nas crianças que estudam em nossas escolas, um desejo que vocês, na condição de educadores, também já carregam em seu coração, desde o momento que quiseram trilhar os caminhos do magistério”, observa. 

Beto também falou de outras ações que visam tornar as atividades na rede municipal mais atrativas e motivadoras para os estudantes, como a aquisição e distribuição (após devido treinamento) de um tablet por aluno, de um notebook para cada professor e uma smart TV em todas as salas de aula. “É um projeto ambicioso, que observa as demandas atuais, mas tem os olhos voltados para o futuro. Apesar das dificuldades que todos nós enfrentamos diariamente, é imprescindível a união de cada um em torno do objetivo de oferecer uma educação com mais qualidade para os nossos alunos, ainda mais neste momento em que estamos batalhando para reverter a defasagem que eles tiveram na aprendizagem em função da pandemia”, acrescenta.

A secretária da Educação, Elisângela Batista, parabenizou a turma pelo empenho que demonstrou durante toda a capacitação. “Este projeto de robótica já tem feito um sucesso enorme nas escolas onde já foram instalados os laboratórios. Por meio desta formação, esses educadores, além de adquirirem novos conhecimentos, estão contribuindo significativamente para as nossas escolas serem mais efetivas em sua missão de difundir conhecimento”, pontua.

Educação Infantil

A sede da Smed também foi palco de uma formação para professores de centros municipais de educação infantil (Cmeis). O chefe do Executivo Municipal aproveitou a ocasião para falar brevemente com os participantes.

Entre outros assuntos, ele voltou a falar de atividades de recuperação de alunos que estão em situação de defasagem de ensino e apresentou um panorama sobre o que está sendo feito pela administração municipal para resolver o problema da falta de professores em escolas e Cmeis. “Desde o início do ano, a partir do momento em que a Lei 173 assim o permitiu, já chamamos 169 professores efetivos e PSS [via processo seletivo simplificado], dos quais 72 já assumiram suas funções e 40 estão com sua documentação tramitando nos Recursos Humanos para em breve tomarem posse. Os 19 coordenadores da Smed, contratados para 40 horas semanais, estão dedicando metade disso a lecionar em sala de aula”, detalha. “Todos os anos e na maioria dos municípios do Brasil esse problema acontece, mas não estamos indiferentes a ele e não vamos descansar até que tudo esteja funcionando em perfeita ordem”, assegura.

MAIS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Rolar para cima